segunda-feira, agosto 15, 2022

Conheça coleção de NFTs que projeta os craques da Copa do Mundo de 2030

Faltando pouco mais de 150 dias para o início da Copa do Mundo 2022 no Qatar, uma coleção de NFTs avança no tempo, mais precisamente, 8 anos no futuro e projeta os possíveis craques da seleção brasileira na Copa de 2030.

O projeto em questão vem sendo desenvolvido pela Tero Labs, empresa de ativos digitais com foco na produção de NFTs.

A marca, que já conta com parcerias com grandes ligas do futebol como a LaLiga, trouxe um acervo de tokens não fungíveis (NFT) inspirados nas joias do futebol brasileiro que em breve podem pintar na seleção canarinha.

A coleção de nome “Rough Diamonds”, ou, “Diamante Brutos”, passou por um acordo de pesquisa com grandes scouts do mundo do futebol, que projetaram a partir do desempenho atual o potencial de garotos que hoje estão nas categorias de base de alguns times espalhados pelo Brasil, mas que no entanto, mostram grande personalidade e um futuro promissor pela frente.

São 11 as peças que representam cada jogador, tendo assim um time inteiro dentro de campo.

Além de claro, servir como ativo digital, a ideia da iniciativa é fazer com que os fãs do futebol acompanhem a carreira de certo jogador conforme ele se desenvolve durante os anos até chegar no seu auge. Hoje o que são só promessas daqui 8 anos se tornam realidade, e através dos NFTs será possível estar presente durante essa evolução.

É o que explica o CEO da Tero Labs, Bruno Pessoa, que em entrevista à revista ‘Estadão‘, analisou o lema de sua equipe ao montar o Rough Diamonds.

“O lema dessa coleção é permitir ao fã participar efetivamente da carreira do jogador, algo que antes do surgimento do NFT não era possível”, avaliou Bruno Pessoa.

O CEO do projeto ainda revelou que a coleção de NFTs ajuda os atletas presentes nela, já que muito além de só artigos digitais, o Rough Diamonds se torna sócio de cada um daqueles atletas escolhidos, não só comprando seus direitos de imagem.

“Nós oferecemos a oportunidade aos colecionadores de conseguirem peças exclusivas das estrelas do futuro e ainda ajudar no desenvolvimento da carreira destes meninos. Nós ajudamos eles a financiarem sua carreira, no qual 50% das receitas de venda do NFT vão para o jogador”, conta o Cartola.

Os projetos de expansão do Rough Diamonds e os sócios atuais

Atualmente dentre os principais nomes da coleção estão atletas como Endrick, craque da última Copa São Paulo de Futebol Júnior pelo Palmeiras, Matheus França e Matheus Gonçalves, ambos do Flamengo, e Weslley Patati, do Santos.

No entanto o projeto para os próximos anos não fica só no Brasil, já que a Tero Labs tem a intenção de expandir a marca para outros países e continentes que contam com uma base de grandes promessas para o futuro, como nossos hermanos, na Argentina e até em todo um continente, como na África.

Ainda em entrevista, Bruno Pessoa falou sobre essa ideia de expansão sobre sua coleção e analisou até a possibilidade de inserir o mercado de futebol feminino.

“Os fãs de futebol estão espalhados ao redor do mundo. A ideia é buscar novos mercados na América Latina, África e Ásia, além de outras modalidades, como o futebol feminino“, revelou.

O lançamento e como funciona o projeto NFT

De acordo com o CEO da Tero Labs, o projeto funcionará da mesma forma que um álbum de figurinhas, modelo esse que vem bombando dentre os tokens não fungíveis esportivos, principalmente os de futebol.

Sendo assim, os usuários deverão obter seus jogadores através dos “drops” que funcionam como uma espécie de pacote de figurinhas, que permite a chance de vir um atleta aleatório.

De acordo com Bruno Pessoa, esse processo de receber a NFT baseado em sua “sorte” democratiza a coleção, já que não acontece do usuário escolher tal jogador e decidir quanto ele vale baseado em sua paixão.

“Você não vai na banca de jornal e fala: ‘eu quero a brilhante do Brasil, a brilhante da Argentina’. Com os ‘Rough Diamonds’ acontece a mesma coisa”, comparou Bruno.

As “figurinhas” ainda não tem data de lançamento confirmadas nem preços já pré estabelecidos, no entanto, aqueles que tiverem interesse em participar de um pré registro ganharão camisas digitalizadas em suas devidas carteiras, que variam de modelos e cores que vão de diamante, preto e cinza.

LEIA TAMBÉM

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Mais Populares